May 11, 2005

guerra colonial.


comecei ontem a ler a correspondência do meu tio para os meus avós, durante o tempo da guerra colonial que esteve destacado em angola. cerca de um ano e três meses de extensas cartas, escritas semanalmente de dezembro de 1961 a março de 1963, acompanhadas por fotografias e alguma propaganda e publicidade da época. desde a morte da minha avó guardei estas cartas sabendo que chegaria um momento em que as ia ler e finalmente conhecer melhor um tio que morreu muito antes de eu ter nascido. esse momento parece ter chegado, passado dois anos, sem aviso e, aparentemente, sem qualquer motivo.

2 comments:

corpo visível said...

Inquietante e ao mesmo tempo muito bonito e ternurento!

Anonymous said...

ESTE BLOG E UMA MERDA DO CARALHO ... SOIS UNS FILHOS DA GRANDA PUTA IDE LEVAR NO CUZINHO .. .CARALHOOO

BJS